As revendedoras de Rondonópolis já registram reajuste de 4% no preço do gás de cozinha. Na cidade, o gás estava sendo comercializado pelo valor médio de R$ 50, após o aumento ele passou a ser vendido por R$ 52.

O reajuste do produto em todo o Estado foi de 7,5% a 9,5% para as revendedoras. Os percentuais são estimados pelo Sindicato dos Revendedores de Gás em Mato Grosso (Siregás). As empresas estavam evitando repassar os aumentos ao consumidor final, mas que desta vez a medida acabou sendo necessária.

Os novos preços do gás começam ser aplicados em todo país e como não há norma regulamentadora, os sindicatos nos estados são quem estimam o aumento. No Estado de São Paulo, por exemplo, o Sindicato das Revendedoras de Gás Liquefeito do Petróleo do Interior aponta uma ata entre 5% e 7%.

Leia também:  Jucemat faz recesso de final de ano

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.