Terezinha Guilhermina segue dominando a pista do Estádio Olímpico de Londres. Na manhã desta terça-feira, a brasileira quebrou mais um recorde paralímpico e avançou à final dos 100m T11. Na disputa por medalha, ela estará mais uma vez acompanhada pelas compatriotas Jerusa Santos e Jhulia Karol, além da chinesa Juntingxian Jia.
Na tarde desta terça, Terezinha já terá a chance de mais uma medalha, já que disputa a final dos 400m T12. A decisão dos 100m T11 acontece nesta quarta.
As três brasileiras venceram suas baterias. Na primeira, Jerusa fez o tempo de 12s68 e deixou para trás a chinesa, que chegou no segundo lugar, com 12s87. Na segunda eliminatória, Terezinha sobrou e conseguiu a marca de 12s23. Na terceira corrida, Jhulia chegou com o tempo de 12s88.
Não foi só nos 100m T11 feminino que o Brasil dominou a prova. Nos 200m T11 masculino, o país também classificou três atletas para a final. Daniel Mendes (22s84), Lucas Prado (22s92) e Felipe Gomes (22s97) irão duelar contra o angolado Jose Armando (22s84) à tarde.
Nos 400m T46, o Brasil terá dois atletas na decisão, que também acontece nesta terça. Yohansson Nascimento fez o quinto tempo (50s18) e bateu o recorde paralímpico da sua classe, a T45 (por falta de competidores, ele compete na T46 nessa prova). Emicarlo Souza avançou na sétima colocação (50s40).
Quem também garantiu na manhã desta terça-feira sua classificação para a final foi Sheila Finder, nos 100m T46. Com o tempo de 13s13, melhor marca de sua carreira, ela foi a quinta mais rápida. A disputa por medalhas acontece na quarta-feira.
Thierb Siqueira teria conseguido a classificação para a final dos 400m T12, com o tempo de 50s11, mas acabou desclassificado porque deixou o guia Roger Manarin para trás.
A 40 centímetros do bronze
No arremesso de peso feminino F37, Shirlene Coelho ficou perto do pódio, mas o bronze escapou por 40cm. Com a marca de 10,60m, a brasileira terminou na quarta posição, atrás da tcheca Eva Berna (11,00m). A vencedora foi a chinesa Na Mi, que bateu o recorde mundial (12,20m), com sua compatriota Qiuping Xu levando a prata (11,04m).
No arremesso de peso masculino F57/58, Claudiney Santos foi o sétimo, com a marca de 12,87m e 902 pontos. Vanderson Silva conseguiu 9,94m e 608 pontos, e ficou na 15ª colocação. O vencedor foi o russo Alexey Ashapatov (16,20m e 989 pontos).

Leia também:  Estreia de Pelé pela seleção brasileira completa 60 anos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.