A campanha Outubro Rosa tem como objetivo acabar com a fila de espera de mulheres que aguardam por mamografia. A Secretaria Municipal de Saúde irá intensificar o trabalho de alerta sobre os casos de câncer de mama.

A gerente do Departamento e Ações Programática, Mariúva Valentim Chaves, disse que os Postos de Saúde Familiar (PSF) irão priorizar a realização dos exames colo uterino e mamografia de modo que acabe com a fila de espera no município, para isso serão realizados diariamente 30 exames de pessoas que aguardam pela consulta e 10 casos de urgência.

“É muito importante que as mulheres realizem periodicamente o autoexame bem como os exames de rotina para detectar as alterações o quanto antes, para que o tratamento tenha um resultado mais efetivo”, defendeu a gerente. De acordo com Mariúva, em 2011 foram observados 444 casos de mulheres que apresentara alguma alteração de mama.

Leia também:  Oficinas comunitárias começam neste sábado (15) em Rondonópolis

O Instituto Nacional do Câncer (INCA) estima que 11 mil mulheres brasileiras morrem anualmente em decorrência do Câncer de Mama, o instituto estima que este ano, no Brasil, sejam detectados mais de 50 mil novos casos. As taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas, muito provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estádios avançados.

No dia 27 de outubro será realizada uma ação na Praça Brasil para oferecer exames e orientação às mulheres. Durante o Outubro Rosa as unidades de saúde devem oferecer atendimento em horário especial.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.