Foto: Varlei Cordova/AGORAMTAnanias Filho (PR), Juca Lemos (PT) e Percival Muniz (PPS) participaram na noite desta quinta-feira (04) do último debate autorizado pela Justiça Eleitoral, realizado pela emissora TV Centro América.

O prefeito Ananias Filho abriu o programa apresentando as propostas para a habitação onde ressaltou que tem com meta tentar acabar com o déficit habitacional, oferecendo residências com toda infraestrutura necessária para que não cause transtornos futuros aos moradores e destacou também a cobrança de transparência e coerência na distribuição dos imóveis.

Na área da saúde o candidato do PR deseja trabalhar com a descentralização da pasta e construir mais três policlínicas e o hospital municipal, além de buscar a autonomia do município em relação a Cuiabá. Ananias enfatizou que irá se empenhar para oferecer qualidade de vida como forma de tentar reduzir a maior causa de mortes em Rondonópolis, as complicações cardíacas. Ananias também foi questionado sobre saneamento e afirmou que irá criar o Plano Municipal de Resíduos Sólidos e tentar resolver a questão do aterro sanitário.

Leia também:  Deputados aprovam parcelamento obrigatório do seguro DPVAT

Ananias concluiu a participação no debate agradecendo a confiança de todos e afirmou que é capaz de administrar a cidade com plano de governo que irá garantir o bom desenvolvimento de Rondonópolis para o futuro, valorizando os servidores e fortalecendo questões como a segurança no município.

Percival Muniz iniciou a participação no debate e defendeu a construção de artérias na cidade para agilizar o fluxo no trânsito e propôs a criação de três lagos com feixes de luz no percurso do Córrego do Canivete. Sobre pavimentação asfáltica o candidato do PPS defendeu a execução de mais 300 quilômetros de asfalto para facilitar a vida da população e valorizar os imóveis.

O candidato do PPS argumentou que possui um plano diretor de estruturação de Rondonópolis para comportar 500 mil habitantes. Na saúde Percival frisou que irá investir mais intensamente na pasta para oferecer mais atenção à população, para que receba tratamento de qualidade.

Leia também:  Grupo defende permanência de Juary na liderança do prefeito

Nas declarações finais Muniz defendeu que deseja fazer mais por Rondonópolis e irá utilizar da experiência que tem, juntamente com o vice, Rogério Salles, para melhorar a cidade e contribuir com o desenvolvimento de Rondonópolis.

A primeira defesa de Juca Lemos foi sobre educação e afirmou que pretende ampliar as salas de aula e acrescentar atendimento com psicólogo e assistente social para melhorar a qualidade no ensino, além da valorização dos professores. Questionado sobre projetos de lazer o petista acredita que seja essencial incentivar o esporte e a cultura, durante o discurso também propôs a construção de quatro parques ecológicos e mais 15 miniestádios.

Assim como no debate anterior, Lemos foi questionado sobre o recurso aplicado na travessia urbana e frisou que vê com tristeza a forma como foi utilizado o recurso para a obra e caso seja eleito irá gerir os repasses do Governo Federal com mais transparência. No que tange ao desenvolvimento da cidade Juca enfatizou a valorização dos empresários locais como forma de atrair empresas de grandes centros. E sobre tudo reforçar as instituições de ensino tecnológico e o fortalecimento da agricultura familiar.

Leia também:  Grampos ilegais levam Paulo Taques para a cadeia

Juca conclui a participação no debate garantindo que irá ampliar a aplicação de recursos do Governo Federal em Rondonópolis e desenvolver politicas voltadas principalmente a classe mais humilde e na valorização social.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.