Anúncio foi feito depois de uma reunião com representantes de cooperativas de médicos e o Sindessmat. Foto: Davi Couto Valle/Secom-MT

O atendimento aos servidores estaduais por meio do MT Saúde será retomado esta semana pela rede credenciada. O anúncio foi feito pelo governador Silval Barbosa, nessa segunda-feira (15), depois de uma reunião com representantes de cooperativas de médicos e o Sindicato dos Estabelecimentos de Saúde de Mato Grosso (Sindessmat). O governador apresentou o cronograma de pagamento referente aos débitos, bem como a nova forma de atuação do plano.

De acordo com Silval Barbosa, os débitos com a operadora São Francisco, relativos aos meses de agosto e setembro, serão quitados até novembro, enquanto os débitos antigos serão pagos em quatro parcelas. Quanto ao valor referente às cooperativas de médicos, este será pago ainda nesta semana, fazendo com que o atendimento seja retomado de modo imediato.

Leia também:  Alta Floresta | Cirurgia oftalmológicos na Caravana da Transformação começam nesta quinta-feira (08)

Um novo modelo de atendimento à saúde dos servidores também foi apresentado pelo governador. O usuário poderá escolher entre continuar no MT Saúde ou migrar para outra operadora. O secretário de Administração, Cesar Zílio, ressalta que o MT Saúde continuará existindo, mas o servidor poderá avaliar se prefere mudar de operadora e receber um auxílio saúde na folha de pagamento. “Já encaminhamos para a Assembleia Legislativa o Projeto de Lei em que o Governo mantém o interesse de promover um auxílio saúde para o servidor”, completa o secretário.

O presidente do Sindessmat, José Ricardo de Melo, avaliou como positivo o acordo com o Governo do Estado. “O diálogo foi retomado e ficou bom para todos nós. Todos os atrasados foram renegociados. Vamos apresentar a dívida, a qual será auditada pelo Estado para então fechar os valores das parcelas”, explicou.

Leia também:  Exposição comemorativa da PJC começa no Várzea Grande Shopping
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.