Os líderes partidários que integram a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira decidiram prorrogar os trabalhos da comissão. O prazo de extensão das atividades do colegiado, no entanto, será definido.

Devido ao segundo turno das eleições municipais, os líderes decidiram também suspender os trabalhos da comissão até o próximo dia 30 de outubro. Por isso, a reunião administrativa marcada para amanhã (16), que previa votação de mais de 500 requerimentos, foi suspensa.

O líder do PSDB na Câmara, deputado federal Bruno Araújo (PE), disse que qualquer decisão neste momento poderia ser influenciada pelo debate eleitoral. Segundo ele, os partidos de oposição defendem que a prorrogação seja por 180 dias. De outro lado, os partido da base governista preferem um tempo menor.

Leia também:  Vereador acompanha mutirão de recuperação no Parque Universitário
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.