Técnico Luciano Dias reclamou da arbitragem
(Foto: Leonardo Heitor/Globoesporte.com)

Apesar de admitir que a equipe falhou no lance que originou o gol de empate do Paysandu, na tarde deste domingo, no estádio Presidente Dutra, a equipe do Cuiabá saiu de campo reclamando muito da arbitragem da partida. Em entrevista após o jogo, o técnico Luciano Dias chegou a afirmar que o árbitro do Distrito Federal Luciano Benevides usou critérios diferentes para marcar as faltas.

– Nós falhamos no lance sim, mas ele foi parcial e não usou os mesmos critérios para as duas equipes. O Gatti sofreu duas faltas dentro da área e ele não marcou. Nossos jogadores não podiam encostar neles, que ele apitava. Foi uma arbitragem duvidosa – ressaltou o treinador.

Leia também:  Atleta da Seleção brasileira de Hóquei é assassinado com tiro na nuca em SP

Quando o jogo ainda rolava, os jogadores reclamaram de um pênalti não marcado por Benevides. No lance, os jogadores afirmam que o atacante Preto foi puxado pelo zagueiro Marcus Vinícius dentro da área.

Com o empate em casa, o Cuiabá se manteve com 16 pontos, na nona posição da tabela e na zona de rebaixamento para a Série D 2013, à cinco pontos do G-4. Já o Paysandu chegou aos 21 pontos, mas segue no G-4 do grupo A, agora na quarta colocação

As equipes voltam a campo no próximo domingo. O Papão da Curuzu vai receber o Salgueiro-PE, na Arena Verde, em Paragominas. Já o Dourado recebe o Guarany de Sobral, no estádio Presidente Dutra, em Cuiabá.

Leia também:  Atletas de Rondonópolis se destacam em competição nacional
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.