Mariúva explicou que o objetivo da campanha é acabar com o preconceito em fazer os testes. Foto: Ronaldo Teixeira/AGORA MT

O Departamento de Ações Programáticas da Secretaria Municipal de Saúde realizou na manhã desta quinta-feira (29) uma caminhada no quadrilátero central da cidade para marcar o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS, comemorado no dia 1º de dezembro.

A campanha “Não fique na dúvida, fique sabendo”, realizada durante o mês de novembro, teve com foco convidar a população para realizar os testes rápidos de HIV, Sífilis e Hepatite para que a população saiba o quanto antes se adquiriu alguma doença e possa se cuidar para ter uma melhor qualidade de vida. Durante o dia uma equipe estará na Praça Brasil para realizar os testes, que tem duração de aproximadamente 20 minutos.

Leia também:  Rondonópolis | Em 9 meses, mais de R$ 127 milhões foram pagos em impostos municipais

A gerente do Departamento, Mariúva Valentim Chaves, ressaltou que esta é a última campanha do ano e está satisfeita com o resultado e observou que dados do Ministério da Saúde apontam que o número de pessoas que fazem o diagnóstico precoce para o HIV subiu de 32% para 37%. “É importante que as pessoas façam o diagnostico precoce, para que evitem transmitir a doença para outras pessoas, mas acima de tudo que possa receber os acompanhamentos necessários para ter uma qualidade de vida maior”, frisou Mariúva.

Durante a campanha foram feitas palestras e mutirões para incentivar às pessoas a realizarem os testes. Mariúva esclareceu que mesmo fora da campanha as unidades de saúde do município estarão realizando os exames.

Leia também:  Prefeitura disponibiliza emissão de documentos fiscais de forma gratuita via site

O Brasil tem hoje cerca de 530 mil pessoas infectadas pelo HIV, sendo que desta, 130 mil desconhecem essa situação. Rondonópolis está entre os 100 municípios brasileiros com maior taxa de incidência de casos de AIDS, 31,2. A média nacional é 17,9 e em Mato Grosso 17,4.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.