Quando começou a ser conhecida na região Sudeste do Brasil, Gaby Amarantos não era conhecida por seu próprio nome, mas era chamada de Beyoncé do Pará, apelido que ganhou devido às suas performances inusitadas em seu show. Mais tarde ela começou a mostrar seu trabalho, consolidou seu nome entre os cantores do país e diz que não quer mais ser conhecida apenas conhecida como uma cover da cantora americana.

“É algo que acho muito legal, mas não queria ser apenas só a ‘Beyoncé do Pará’. Acho que é uma sacanagem com uma artista que está trazendo um movimento, que tem uma bagagem legal, resumi-la a um cover.”

Leia também:  Ed Sheeran abandona o Twitter por causa de haters: 'Não consigo ler'

Hoje, Gaby conta que ganhou vários outros apelidos que têm a ver com sua terra natal e até a chamam pelo nome de sua música.

“Olha, acho que sou uma artista conhecida, hoje em dia, por onde passo. As pessoas olham e falam ‘olha a Gaby’, ‘a menina que cantava com as Empreguetes’, ‘a Ex-My Love’. Me chamam de várias coisas, mas já sabem quem sou eu.”

Para finalizar, ela declara que são poucos os que lembram sobre o apelido Beyoncé do Pará.

“Antes as pessoas ficavam muito naquela coisa ‘a Beyonce do Pará’, hoje em dia ninguém fala mais isso. queria muito isso, achava legal essa história, mas queria mostrar quem era a Gaby, que tinha conteúdo, tudo mais.”

Leia também:  Alcymar Monteiro nega machismo após chamar Marília Mendonça de 'galinha'
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.