Foto: internet

No mesmo dia em que afirmou ser contra um técnico estrangeiro dirigir a Seleção Brasileira, o ex-jogador Zico (foto) resolveu deixar a Seleção do Iraque. O brasileiro soltou uma nota em seu site oficial explicando os motivos da atitude repentina.

Nota de Zico no site oficial do treinador brasileiro!

“Venho por meio do meu site informar que, por volta das 12h desta terça-feira, horário de Brasília, enviei comunicação oficial à Fifa, entidade máxima do futebol mundial, e à IFA, que é a associação iraquiana de futebol, declarando que considero meu contrato rescindido por descumprimento da IFA. Em breve prestarei mais esclarecimentos”.

Ídolo do Flamengo e dos brasileiros, Zico – antes de pedir demissão – afirmou que, por não trabalhar no Brasil, consideraria assumir a Seleção Brasileira algo injusto com os técnicos daqui. Ele justificou por que não concorda com um técnico de fora.

Leia também:  Luverdense fica no empate com o Paraná

“Nosso futebol tem ótimos treinadores que ganharam Campeonato Brasileiro, Libertadores e Mundial de Clubes, então temos campeões também”, disse.

A Seleção do Iraque, agora, sem Zico, está na terceira colocação do Grupo B das Eliminatórias da Ásia atrás de Japão e Austrália. Os dois primeiros de cada grupo são classificados de forma direta para Copa do Mundo 2014. O terceiro colocado faz um mata-mata contra o quinto das eliminatórias Sul-Americanas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.