Moradores do distrito de Nova Esperança, que têm o pequi como uma das principais fontes de renda, realizaram neste fim de semana um festival para apresentar formas criativas de aproveitar o fruto na culinária. A primeira edição do Festival do Pequi foi realizada na própria comunidade, que fica entre as cidades de Cuiabá e Santo Antônio de Leverger. Quem visitou o evento pôde provar cupcakes de pequi, sorvete, pequi na linguiça e até no pastel.

“A gente está descobrindo outras formas de processar o pequi. E eu acho que isso vai ser muito bom para nós”, destacou a comerciante Maria Sílvia Furini. Já o comerciante Alvino Rodrigues tem um pé de pequi há 10 anos e a árvore é considerada um xodó para ele. Com a ajuda do neto, ele colheu a fruta para preparar uma farofa que fez sucesso por toda a vizinhança. “Nós pegamos o fruto, descascamos e colocamos para cozinhar com sal. Deixamos escorrer e a água secou. E por fim tiramos a quantia que dava para preparar a farofa”.

Leia também:  Após chuva, temperatura cai e fim de semana deve ser de clima ameno em Rondonópolis

O festival também teve exposição de artesanato e apresentações de danças típicas, como cururu e siriri. A intenção da comunidade com esse festival é fazer com que os produtos criados a partir do pequi se tornem fonte de renda para os moradores daquela região.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.