A presidente Dilma tocou em quatro importantes pontos de sua gestão, durante a cerimônia de inauguração do Sistema de Abastecimento de Água Marrecas, realizada na manhã de sábado (22), em Caxias do Sul (RS). “Junto com a redução de juros, taxa de câmbio mais real e redução de impostos, que nós vamos perseguir em 2013, superaremos alguns gargalos da infraestrutura”, prometeu Dilma.

Também participaram do evento o ministro das Cidades, Aguinaldo Ribeiro, do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, e o governador do estado, Tarso Genro.

A presidente Dilma Rousseff celebrou ainda o percentual divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na sexta-feira, que mostrou que a taxa de desemprego no Brasil em novembro ficou em 4,9%.

Leia também:  Sebastião Rezende entrega minuta de decreto para ajudar comunidades terapêuticas

Para a presidente, há condições de o País crescer mais no ano que vem. “O nosso País vai ter condições de crescer, nós queremos crescer o ano que vem (…) queremos garantir água, empregos, o crescimento da indústria. Nós queremos construir um Brasil que seja capaz de manter de forma sustentável o seu crescimento”, afirmou.

Ainda na sexta-feira (21), o IBGE divulgou que a taxa de desemprego no Brasil em novembro foi de 4,9% da população economicamente ativa, o menor nível neste ano e o índice mais baixo para um mês de novembro desde 2002, informou nesta sexta-feira o governo.

A taxa de desemprego em novembro foi a segunda menor para um mês desde que o índice começou a ser medido com critérios mais rigorosos há uma década e supera o índice de 4,7% registrado em dezembro de 2011.

Leia também:  Cartórios poderão ser obrigados a publicar informações

ABASTECIMENTO

Segundo o Ministério das Cidades, a construção do Sistema de Abastecimento de Água Marrecas visa incrementar a oferta de água em 1000 litros/segundo e aliviar os sistemas de abastecimento de água já implantados na região.

O empreendimento prevê a construção de Barragem, Estação Elevatória de Água Bruta, Adutora de Água Bruta, Estação de Tratamento de Água Morro Alegre, Adutora de Água Tratada e Centro de Reservação.

De acordo com o Ministério, o projeto faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento e beneficiará 250 mil habitantes da região.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.