Foto: Hipernotícias

Uma ideia que já vinha sendo maturada desde o governo Blairo Maggi (PR) vai sair do papel agora com a aprovação pelos deputados estaduais, na surdina, sem discussão e bem por baixo dos panos, da Empresa Mato-grossense de Participações e Projetos S.A (MTPAR), que tende a racionalizar a gestão dos ativos do Estado de Mato Grosso, conferindo maior liquidez tanto aos ativos financeiros quanto aos seus bens imóveis, para ser melhor administrado por uma empresa com expertise na área.

A empresa pode ainda trazer outra surpresa no mundo político, o retorno do ex-secretário Eder Moraes, hoje um dos principais auxiliares do prefeito de Várzea Grande, Maninho de Barros (PSD), ao staff do Governo do Estado, depois de ter sido sacado por divergências internas, mas que sempre foi tido como um dos solucionadores das principais crises vivenciadas tanto na administração Blairo Maggi (PR) quanto na de Silval Barbosa (PMDB).

Leia também:  Inicia neste domingo 1º de outubro o período proibitivo da Piracema
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.