O Presidente estadual do PSB, o deputado Valtenir Pereira admitiu um racha no partido por conta da eleição da Mesa Diretora da Câmara de Cuiabá́. De um lado, o prefeito eleito Mauro Mendes, que apoia para presidente o petebista Júlio Pinheiro e do outro, o também candidato Onofre Júnior e o vereador eleito Faissal Calil.

Pereira afirma que Onofre teria procurado a direção do partido por se sentir desprestigiado pelo diretório municipal da sigla, presidido por Mendes. “Ele foi completamente ignorado pelo partido e nos procurou para viabilizarmos a candidatura dele, se Otmar de Oliveira mostrando muito descontente”. Valtenir nega que esteja pedindo votos para o terceiro candidato que disputa a presidência da Câmara, João Emanuel (PSD). “No momento, o que há, é a tentativa de viabilizarmos a candidatura do Onofre, mesmo contra a vontade da direção municipal do partido, que já está fazendo força para eleger Júlio Pinheiro”.

Leia também:  Ex-governador do DF e atual assessor de Michel Temer são presos nesta manhã pela PF

Alguns vereadores, que preferem não serem identificados, afirmam que Valtenir estava, sim, pedindo votos para Emanuel, o que teria provocado a ira de Mendes, que desde a renúncia do vice, João Malheiros (PR), passou a se empenhar em escolher aquele que, juridicamente, seria seu sucessor em alguma eventualidade.

Como prova, citam um encontro do deputado federal com o sogro de Emanuel e principal expoente do PSD em Mato Grosso, o presidente da Assembleia Legislativa, José Geraldo Riva. Na ocasião, Valtenir teria levado Onofre para conversar com Riva.

O deputado confirma que esteve com Riva, assim como com outros líderes partidários, como o deputado federal Wellington Fagundes (PR).

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.