Dunga deixa a reunião com Luigi sorridente (Foto: Diego Guichard)

Sorridente e calmo, com camiseta esportiva verde e chinelos, Dunga deixou a casa do seu advogado, Juarez Rosa, já como novo treinador do Inter. Vizinho do procurador que colocou no papel a negociação, caminhou a pé até a sua residência, localizada na Zona Sul de Porto Alegre. Mas antes, parou para atender a imprensa.

Não só pela reunião, que teve tom informal, já com a nova comissão técnica, ou por voltar a trabalhar no clube onde foi criado, Dunga demonstrou estar em casa. Até por isso, como quem conhece bem o futebol gaúcho, prometeu uma mudança de postura na equipe em relação ao time de 2012.

“O futebol gaúcho tem uma característica e ela tem que ser respeitada. É como a torcida gosta de ver o time jogando. Teremos um time agressivo. O Inter sempre teve isso e vamos manter essa tradição – disse.

Leia também:  União tem estreia contra o Dom Bosco confirmada

Como jogador, Dunga sempre se destacou pela garra e a forte marcação. E o novo comandante deixou claro que fará essa cobrança ao grupo colorado. O treinador garante que o torcedor não verá jogadores apáticos em campo.

O novo técnico colorado afirmou que fará uma “mudança gradual” no grupo de jogadores do Inter. Segundo ele, apesar da demora no acerto final com o Inter, os contatos com o presidente Giovanni Luigi eram constantes e as impressões de Dunga já são de conhecimento da direção há vários dias.

– Estamos montando uma equipe de trabalho, avaliando o grupo de jogadores. O Luigi já sabe o que eu penso. Estamos trabalhando há bastante tempo nessas soluções. Vamos fazer uma mudança gradual. A reunião de hoje foi muito positiva. Cada um colocou as suas opiniões e agora vamos iniciar o trabalho – explicou.

Leia também:  União aposta em Ricardo para bater o Cuiabá

O apoio maciço da torcida colorada é motivo de comemoração de Dunga. Porém, ele sabe que será cobrado da mesma forma que os outros profissionais que já passaram pelo comando técnico do Inter.

– É uma expectativa grande. Ter a aprovação da torcida é bom. Aqui é a cidade onde eu vivo, é o clube que me projetou. E eu espero agora contribuir com ele também. Sem dúvida vai haver cobrança, mas eu estou pronto para isso.

A oficialização ocorreu na manhã desta quarta-feira, após reunião com o presidente Giovanni Luigi. Junto com o treinador, também devem ser confirmados o preparador físico Paulo Paixão, o auxiliar técnico Andrey Lopes e o diretor de futebol Newton Drummond. O contrato do treinador será de um ano.

Leia também:  União tem desafio diante do Luverdense em Lucas

Logo depois do encontro desta manhã, Marcelo Medeiros, vice-presidente eleito do clube, confirmou que o anúncio oficial será realizado às 17h, em um hotel de Porto Alegre. Luís César Souto de Moura também participou da reunião. Ambos foram confirmados como diretores de futebol. O cargo de vice de futebol, atualmente ocupado por Luciano Davi, deve ser extinto. A tendência é que ele ocupe a vice-presidência de administração.

Falta ainda a definição de quem será o preparador de goleiros. De acordo com Newton Drummond, dois nomes serão contatados nesta tarde. Na reunião das 17h, mais detalhes do novo departamento técnico serão explicados.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.