Foto: internet

O Ministério da Justiça prorrogou o período de atuação da Força Nacional de Segurança Pública na Paraíba, em Mato Grosso do Sul e no Pará. Nesses locais, a força atua em parceria com órgãos locais por motivos distintos.

Na Paraíba, os agentes participam da Operação Tambiá, que tem o objetivo de solucionar casos de homicídios ocorridos na região metropolitana de João Pessoa e contribuir para a queda da taxa de assassinatos. A Força Nacional, que está no local desde agosto de 2011, permanecerá no estado por mais 120 dias.

No Pará, os agentes combatem, desde fevereiro de 2008, o desmatamento ilegal em parceria com servidores do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e do Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade (ICMBio) nos municípios de Altamira, Itaituba, Trairão, Jacareacanga, Uruará, Rurópolis e Vitória do Xingu. A permanência deles no estado foi prolongada até 31 de dezembro deste ano.

Leia também:  Veterinária se recusa entregar celular e é assassinada por bandido

Já em Mato Grosso do Sul, a Força Nacional continuará atuando em conflitos fundiários entre povos indígenas e fazendeiros do sul do estado, dando apoio ostensivo à Polícia Federal e à Fundação Nacional do Índio (Funai). A atuação no estado teve início em fevereiro de 2010.

A prorrogação do prazo de permanência da Força Nacional foi autorizada por meio de portarias publicadas no Diário Oficial da União.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.