O iate construído para o cofundador da Apple, Steve Jobs, em imagem de outubro deste ano (Foto: Arquivo/Michael Kooren/Reuters)

Fabricado na Holanda, o impetuoso iate “Venus”, do fundador da Apple Steve Jobs, foi embargado em Amsterdã por ordem do designer francês Philippe Starck, que exige faturas não pagas aos herdeiros de Jobs, que morreu outubro de 2011.

Os herdeiros do fundador da Apple consideram que o designer francês só deve cobrar uma parte proporcional do custo total da construção do iate, equivalente a € 6 milhões, enquanto Starck pede uma soma fixa de € 9 milhões como pagamento por ter desenhado o interior do navio.

“O iate foi embargado”, disse à AFP Roelant Klaassen, que representa na Holanda a companhia do designer, Unik. “Ainda existem problemas a serem resolvidos, duas faturas emitidas pela Ubik no verão passado após a morte de Steve Jobs”, acrescentou o advogado.

Leia também:  Após 16 anos com família adotiva, jovem é torturada e morta queimada pela mãe biológica

O iate, de 70 metros de comprimento, foi construído nos estaleiros de Royal de Vries situados em um pequeno porto no sudoeste de Amsterdã.

O luxuoso iate branco é controlado por sete computadores iMac situados na cabine.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.