Lucas vive a expectativa de atuar ao lado de Zidane (Foto: Diego Guichard/Globoesporte.com)

Um ídolo de um ídolo, mas de gerações bem diferentes. O meia-atacante Lucas, ex-São Paulo, terá uma oportunidade única no Jogo Contra a Pobreza, partida que será disputada às 21h desta quarta-feira na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Irá conhecer Zinedine Zidane, um dos embaixadores do evento, ao lado de Ronaldo.

– Nunca nem vi o Zidane. É o meu maior ídolo. Infelizmente, foi o nosso carrasco nas Copas. Mas se trata de um gênio, um dos maiores que vi jogar. Fico ansioso também, sou jovem. Só o vi atuar pela TV.

De boné e mala nos ombros, Lucas iniciou a ‘concentração’ para a partida às 19h45m desta terça-feira, quando chegou ao hotel onde estão outros atletas que participarão do evento. O jogador não pensou duas vezes ao aceitar o convite.

Leia também:  Palmeiras assume a vice-liderança após vencer Grêmio fora de casa

“A expectativa é de jogar com grandes nomes do futebol, mas principalmente para ajudar as pessoas”.

Ao mesmo tempo, Lucas também iniciou uma despedida em particular. Negociado com o Paris Saint-Germain, está deixando o Brasil. E já sente saudades do país e do São Paulo.

– A ansiedade vai batendo, o coração vai ficando apertado. Vou ficar com muita saudade do Brasil, dos amigos, de atuar no São Paulo. Mas fico muito feliz também com esse momento, a expectativa é grande.

A partida terá transmissão do SporTV para todo o país. Estados Unidos, Israel e Coreia do Sul, além de países da Europa e da América Latina receberão as imagens ao vivo. Mais de 170 jornalistas, de oito países (Argentina, China, França, Japão, Espanha, EUA e Inglaterra, além dos brasileiros) foram credenciados para o jogo. Antes – e durante a partida – a ONU pretende arrecadar mais doações em prol da causa. Por isso, divulgará a hashtag #povertymatch dentro do perfil @pnud do Twitter.

Leia também:  Seleção masculina de futsal brasileira disputará amistosos em Mato Grosso

O Jogo Contra a Pobreza já ocorreu na Basiléia (Suíça), Madrid (Espanha), Dusseldorf (Alemanha), Marselha (França), Málaga (Espanha), Fez (Marrocos), Lisboa (Portugal), Atenas (Grécia) e Hamburgo (Alemanha). É a primeira vez que a ação ocorre na América do Sul. A partida é uma realização da ONU em parceria com a 9ine, empresa de Ronaldo, e o Grupo RBS.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.