A Agência Reguladora dos Serviços Públicos e Delegados de Mato Grosso (Ager) votou na tarde de quarta-feira (26) cinco pedidos de reajustes tarifários para os transportes coletivos em Mato Grosso.

O aumento na tarifa do transporte alternativo (vans) representado pela Associação das Empresas de Transporte Turístico e Alternativo Intermunicipal de Passageiros do Estado de Mato Grosso (Attai) foi de 12,9,%.

Já o serviço convencional de transporte coletivo rodoviário intermunicipal de passageiros teve um aumento de 0,3703%.

Além destes, o reajuste do transporte intermunicipal, convencional semiurbano, entre Cuiabá e Santo Antônio de Leverger, solicitado pela Viação Nagib Saad Ltda também foi julgado procedente.

Conforme o relator do processo e diretor de Transportes da Ager-MT, Jossy Soares, o valor de R$ 2,70 passará para R$ 3,10.

Leia também:  Fórum critica projeto de lei nocivo à população e ao meio ambiente

Os novos preços começam a vigorar a partir das 0 hora do dia 28 deste mês.

Outro processo de reajuste definido pela Ager é o de operação do terminal rodoviário de Itaúba (570 km de Cuiabá), encaminhado pela empresa,J. D. Aziliero – ME .

A taxa de embarque terá um reajuste de 7,49% e passará de R$ 1,70 para R$ 2,12 no dia 28 de dezembro.

Já a tarifa do pedágio da Rodovia MT- 242/491, trecho que liga Sorriso a Ipiranga do Norte, também sofreu alteração. A partir do dia 31 de janeiro de 2013 a tarifa passará de R$5,10 para R$5,80.

 

De acordo com o presidente da Ager, Aroldo Luna Cavalcati, as possibilidades de pedidos de reajustes votados estavam previsto nos contratos das empresas.

Leia também:  Bombeiros se alegram por não ter registro de afogamento em festival de praia em MT

Assim, a partir desta quinta-feira (27), as empresas têm cinco dias para entrar com Embargo de Declaração e 10 dias para o Recurso Ordinário.

Todos os pedidos de reajuste têm os percentuais checados pela Coordenadoria de Estudos Econômicos (CEE) da Ager junto aos fornecedores das empresas. Depois de relatados, cabe à diretoria da autarquia definir por meio de voto, os valores dos reajustes que passam a vigorar de acordo com critérios específicos estabelecidos em contrato.

Vale ressaltar que às 14h de hoje (27), será votado o último reajuste referente à linha intermunicipal que liga Cuiabá a Várzea Grande.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.