Um das reuniões promovidas pelos vereadores com produtores e concessionária – Foto: arquivo AGORA MT

Após várias reuniões entre os vereadores de Rondonópolis e os produtores rurais da região sobre a cobrança do pedágio da MT 130, os deputados estaduais Sebastião Rezende (PR) e J. Barreto (PR) apresentaram uma emenda de autoria do Poder Executivo que tem como finalidade isentar o valor da tarifa de pedágio para aqueles que residem e promovem atividades profissionais até 30 quilômetros da praça de pedágio que liga Rondonópolis a Primavera do Leste.

Desde que se começou a cobrar a tarifa, os vereadores Reginaldo Santos (PPS), Adonias Fernandes (PMDB), Olímpio Alves (PR), Cido Silva (PP) tem feito a mediação nas discussões entre os produtores e a concessionária que detém os direitos sobre a rodovia em questão.

Leia também:  Autora de livros reúne técnicas e dinâmicas em palestra na cidade

Com os resultados em mãos, os deputados entenderam que haveria a necessidade de pedir alterações na lei do pedágio para que os produtores não saíssem prejudicados. Para dar mais agilidade no andamento dos procedimentos, Rezende e J. Barreto aprovaram ontem (13) um requerimento para que a propositura de emenda de lei possa tramitar em regime de urgência.

A propositura pode ser aprovada na Assembleia Legislativa já na semana que vem.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.