Os portos de Paranaguá e Antonina, no Paraná, fecharam 2012 com 44 milhões de toneladas movimentadas. Este é o maior volume de cargas registrado na história dos portos e corresponde a um aumento de 8% em relação à movimentação de 2011. Os caminhões que são de Mato Grosso representaram 20% do total de caminhões que chegaram ao pátio em 2012. No ano anterior, os caminhões vindos de Mato Grosso não representavam mais de 15% do total de veículos.

“Este aumento de cargas provenientes de outros estados é resultado do trabalho que estamos realizando de aumentar a confiança do exportador nos portos paranaenses. O diálogo constante, as melhorias logísticas e operacionais, além do trabalho da dragagem, tem atraído de volta muitos clientes que, em anos anteriores, haviam deixado de operar em Paranaguá”, explica o diretor empresarial da Appa, Lourenço Fregonese.

Leia também:  Escolas de Rondonópolis recebem melhorias em climatização

Para o superintendente da Appa, ainda falta muito a fazer para atender o Plano de Governo Beto Richa. “Neste ano, fizemos ajustes nos modelos logísticos e finalizamos os projetos de expansão. Para 2013, interviremos pesadamente na infraestrutura para garantir o Porto dos próximos 20 anos”, complementa Dividino.

O Corredor de Exportação do Porto de Paranaguá fechou 2012 também com a maior movimentação da história: 16 milhões de toneladas. O recorde anterior, 14 milhões de toneladas, era de 2011.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.