Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
A roteirista Kelly Marcel, responsável pela adaptação ao cinema do livro erótico “Cinquenta tons de cinza”, concedeu uma entrevista à revista “Style” em que alega que o romance é uma “história de amor moderna”.

A escritora de 38 anos falou sobre suas esperanças em transformar o longa-metragem em um sucesso, prometendo “um monte de sexo” e um roteiro “atrevido”.
Marcel afirma que o filme será fiel às cenas de sexo e restrito para o público adulto. “Atravessamos o livro e decidimos quais eram nossas cenas de sexo favoritas e quais não eram. A maioria estará lá, mas não posso dizer mais”, conta.

A roteirista também falou sobre a especulação em torno dos atores que interpretarão os personagens. O elenco do filme ainda não foi definido, mas a imprensa internacional já abordou atrizes como Mila Kunis, Emma Watson e Kristen Stewart para o papel de Anastasia. Já para viver Christian Grey, costumam ser citados nomes como Ryan Gosling e Ian Somerhalder, da série sobre vampiros “The vampire diaries”.

Leia também:  Resumo de novelas para esta segunda-feira (05)

“Nenhum ator se disponibilizaria para um filme sem roteiro. Seria insano”, disse. “Meu lixo em Los Angeles foi revirado. Quem viverá Christian, quem viverá Ana – sério, as pessoas estão fanáticas com isso”, completou a escritora.

Um dos maiores fenômenos recentes do mercado editorial, “Cinquenta tons de cinza” é o primeiro capítulo de uma trilogia escrita pela ex-executiva de TV britânica E. L. James, que começou praticar sua literatura na internet. Era uma fan fiction da chamada saga “Crepúsculo”.

A versão em papel surgiu em maio de 2011, por uma pequena editora independente da Austrália. Desde então, tornou-se um sucesso considerável em diversos países, quebrando seguidos recordes e dando força a todo um filão literário descrito pejorativamente como “pornô para mamães”.

Leia também:  Resumo de novelas desta quinta-feira (27)
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.