Jeito simpático, bom de papo e um cargo, falso, de diretor de TV. Essas eram, segundo a polícia, as artimanhas usadas por Alexandre Gonçalves Ávila, de 40 anos, para atrair menores de idade e abusar sexualmente delas. Morador de Belford Roxo, na Baixada Fluminense, ele foi preso nesta quarta-feira por policiais da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Niterói. No computador de Alexandre foram encontradas centenas de fotos de menores em poses pornográficas – uma delas, aparentando ter 10 anos, faz sexo oral no acusado. “Ele agia há pelo menos dois anos. Não podemos precisar o número de vítimas. Esperamos que, com a divulgação da foto dele, mais gente apareça” disse a delegada Martha Ferreira Dominguez, titular da Deam de Niterói.

Leia também:  Homem é preso por ameaça e não pagamento de pensão alimentícia em Rondonópolis

Os agentes da Deam chegaram até o acusado depois de receberem uma denúncia de uma menina de 12 anos que foi estuprada pelo suspeito. Moradora de Niterói, município da Região Metropolitana do Rio, ela o conheceu numa rede social e aceitou encontrar-se com Alexandre depois de ele dizer que selecionava meninas para participar de novelas. A garota foi obrigada a tirar fotos comprometedoras e, pois, foi chantageada pelo acusado. Esla então acabou num hotel no Centro de Niterói. “Ele se aproveitou da inocência dela e ainda ofereceu dinheiro depois – contou a delegada”.

Ainda, de acordo com a delegada duas menores de idade, que moram na Baixada Fluminense, também se dizem vítimas de Alexandre. Marta contou que as meninas ligaram para a delegacia após a prisão do estuprador. A delegada não informou em quais municípios as meninas moram, e afirmou apenas, que irá ouvir o depoimento das duas.

Leia também:  Polícia apreende LSD e ecstasy que abasteceriam comércio de drogas em Rondonópolis

Em depoimento, Alexandre negou o crime. Mas em momento algum convenceu os policiais.”Ele é 171 nato”, disse Martha Ferreira.

Na hora das fotos, o suspeito parecia contrariado e só levantou a cabeça quando recebeu uma “ajudinha” de um policial.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.