Militantes do Partido dos Trabalhadores (PT) organizaram na semana passada um ‘jantar beneficente’ com o intuito de arrecadar dinheiro para ajudar José Dirceu que foi condenado a pagar multas no caso conhceido como ‘Mensalão’. O valor da dívida passa de R$ 1,8 milhão.

Os convites do jantar que aconteceu em um restaurante de Brasília custavam de R$ 100 a R$ 1 mil. Petistas conhecidos como o deputado Ricardo Berzoini e o atual tesoureiro nacional João Vacari Neto fizeram a aquisição do convite, mas não compareceram no evento. O próprio José Dirceu se justificou dizendo que não poderia aparecer, já que tem usado o tempo livre para ficar com a família.

Um dos organizadores do jantar, Leopoldo Alves, chegou a declarar que é preciso reconhecer esses companheiros que tanto ajudaram o partido. “Eles nos fizeram chegar aonde chegamos hoje”, fala. Durante o evento não faltaram elogios a Dirceu. Outro evento como este está programado para acontecer nas próximas semanas em Porto Alegre – RS. O valor arrecadado ainda é mantido em segredo.

Leia também:  Blairo reage à delação de Silval
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.