Na pintura da nova Lotus E21, o preto e o dourado ganham a companhia do vermelho (Foto: Divulgação)
Na pintura da nova Lotus E21, o preto e o dourado ganham a companhia do vermelho (Foto: Divulgação)

De forma descontraída e criativa, a Lotus deu o pontapé inicial nos lançamentos dos carros de Fórmula 1 para a temporada 2013. Em uma transmissão ao vivo pela internet, a equipe foi a primeira do grid a exibir seu novo carro. Na sede da escuderia em Enstone (Inglaterra), o finlandês Kimi Raikkonen e o francês Romain Grosjean mostraram o desenho e a nova pintura do E21, modelo que guiarão neste ano. Logo abaixo do “Santantônio” (peça localizada atrás do piloto para proteger a cabeça em caso de acidentes), uma frase  atrai os olhares. Em forma de hashtag, há a inscrição “Eu sou sexy e sei disso”. Pela frase e pelo discurso, a escuderia, que venceu uma corrida com Kimi em Abu Dhabi no ano passado, quer, definitivamente, ser a atração desta temporada.

–  Grandes coisas são possíveis. O salto que demos de 2011 para 2012 mostra o que somos capazes de fazer. Adicione a isso o potencial de nossos pilotos e temos um coquetel muito forte para a próxima temporada. Nosso ambicioso plano de se transformar em uma das principais equipes da Fórmula 1 está começando a se concretizar e agora temos que aproveitar isso com resultados e pódios regularmente. Estamos com fome – disse o chefe da equipe, Eric Boullier.

Leia também:  Sinopense ganha último torneio e cuiabano é campeão de tênis

Logo de cara, o que também chama muita atenção é que a tradicional pintura preta e dourada, usada em 2012, ganha a companhia do vermelho. A “cortesia” é da empresa multinacional do setor petroquímico que patrocina a equipe. Sediada na França, a companhia foi responsável pela entrada do suíço naturalizado francês Romain Grosjean no time.

E antes de ser exibido ao mundo, o carro ainda coberto por uma lona já denunciava, através da silhueta, outra novidade, confirmada minutos depois quando foi exibido: a Lotus preferiu manter o degrau no bico dianteiro, quebrando a expectativa de que o desnível seria extinto pelas equipes. O design havia causado muito estranhamento em 2012, e a FIA liberou que os times “escondessem” o desnível através da colocação de uma peça.

Leia também:  Corinthians vence o Fluminense de virada e se torna campeão brasileiro pela sétima vez

– O painel pesaria alguns gramas. E para um Fórmula 1, alguns gramas a mais desnecessários fazem diferença – explicou o projetista James Allison, que não descartou esconder o degrau durante o ano.

Durante o evento, integrantes da equipe lembraram o passado vitorioso da escuderia que se chamou Renault e Benetton antes de adquirir o direito de usar, desde 2011, o nome Lotus, criado por Colin Chapman, para mostrar confiança em novos dias de glória. Foram dois títulos com Michael Shcumacher (1994 e 1995) e dois com Fernando Alonso (2005 e 2006). Raikkonen, que conseguiu a primeira vitória com o time rebatizado de Lotus (em Abu Dhabi, 2012), também exibiu otimismo.

– Se você ver na história, eles ganharam campeonatos. Nada que vi no ano passado me faz pensar que um outro campeonato é impossível no futuro. Claro, será uma competição dura e todos querem vencer. Mas este time já bateu todos no passado e ninguém pode dizer que não poderá fazer isso de novo – disse o finlandês.

Leia também:  Luve vence fora de casa e escapa da degola

Como o regulamento não mudou muito para este ano, tecnicamente o novo carro da Lotus é uma evolução do E20 utilizado em 2012 com algumas novidades. Entretanto, o time garante que essas pequenas mudanças farão a diferença.

– As regras de 2013 são muito parecidas com as de 2012, então você pode esperar muita familiaridade com o carro anterior. Mas a diferença está nos detalhes, e isso acrescentará um ganho significativo em termos de desempenho – complementou Allison.

A Lotus foi a primeira a mostrar seu carro de 2013. A próxima é a McLaren, no dia 31 de janeiro. A Marussia é a única que ainda não divulgou sua data de lançamento.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.