A Polícia Militar divulgou o balanço das ocorrências de 2012. De acordo com os dados várias ocorrências cresceram na cidade, entre eles o de homicídio e de roubo de veículos, por outro lado o número de prisões em flagrantes e drogas apreendidas também subiu.

De acordo com o comandante do 5º batalhão de Polícia Militar, Major Sandro Barbosa, a cidade está crescendo e é inevitável que os dados não acompanhem isso. Devido ao policiamento ostensivo, por exemplo, o número de roubos a estabelecimento comercial não subiu muito (de 422 passou a 498), em contrapartida o número de roubo a veículos de (188 para 335) e a pessoa de (516 para 758) cresceu já que é um roubo mais rápido e fácil. “Os roubos não acabam eles apenas migram de acordo com o policiamento” afirma ele.

Leia também:  Caminhonete roubada é recuperada pela Polícia com uso de rastreador

O número de homicídios também cresceu em 2011 passou de 50 para 68 casos em Rondonópolis, o que gera um aumento de 20%. Ainda de acordo com a polícia 90% dos casos de homicídios são devido às drogas e ao acerto de contas, ou seja, são os próprios criminosos que criam esta teia de assassinatos. O comandante lembra ainda que este tipo de ocorrência é quase impossível de se evitar já que os suspeitos planejam o crime e não há como a polícia prever.

O número de latrocínio (3 casos) teve aumento de uma vítima apenas em relação a 2011.  Já o número de tentativas de homicídios chegou a 224 em 2012 e em 2011 haviam sido 165.

Leia também:  Marido é suspeito de matar a facadas esposa grávida de três meses

O número de veículos recuperados em relação a 2011 subiu 27% e o número de detenções em geral subiu de 5.127 para 5.726.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.