Pelo menos 1,2% dos 2,7 milhões de hectares estimados para a safra do milho em Mato Grosso já receberam a cultura, segundo o novo boletim do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), divulgado hoje.

A região Oeste está com o processo mais avançado. Nesta, a área estimada para a cultura é de aproximadamente 350 mil hectares, sendo que em 1,7% o plantio já ocorreu. Os destaques são para Sapezal (3% de 113,8 mil hectares) e Campo Novo do Parecis (2% de 132,4 mil hectares).

Na região Médio-Norte, principal produtora do Estado, o plantio da cultura atinge 3% da área estimada em 111,1 mil hectares. Em Sorriso e Lucas do Rio Verde, o processo já avançou 2% em cada. Na capital nacional do agronegócio a área prevista é de 487,1 mil hectares e, na cidade luverdense, é de aproximadamente 179,3 mil hectares.

Leia também:  Mais de 120 mulheres foram violentadas em MT nos primeiros sete meses deste ano

O relatório leva em consideração as informações apuradas pelo instituto até esta quinta-feira (17).  Em relação à safra 2011/2012, o plantio atual está 0,2 pontos percentuais a frente.

Produção

Conforme o primeiro levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a estimativa de produção do milho para esta safra em Mato Grosso é de 14,1 milhões de toneladas, redução aproximada de 6% ante 2011/2012, quando chegou a 15 milhões de toneladas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.