Sedã é usado por moradores de Damara para levar uma enorme quantidade de mantimentos e pertences (Foto: Sia Kambou/AFP)

Moradores da região de Damara, na República Centro-Africana, foram vistos abandonando suas casas e levando tudo que podiam esta semana, com a aproximação de rebeldes ao local. Damara é a última cidade no caminho dos rebeldes da coalizão Seleka até a capital Bangui.

Após um mês de ofensiva, os rebeldes já tomaram o controle em diversas cidades-chave do país, e acusam o líder François Bozizé, ex-presidente do país, de descumprir um acordo de paz estabelecido em 2007.

Homens foram fotografados levando uma quantidade impressionante de mantimentos e pertences em um veículo já bastante debilitado, saindo da cidade de Damara.

No mesmo dia, os rebeldes do país disseram que tinham parado seu avanço sobre a capital e concordaram em iniciar negociações de paz, evitando um confronto com tropas apoiadas regionalmente. O comandante da força africana regional Fomac havia alertado que uma ofensiva contra Damara seria entendida como uma “declaração de guerra”.

Leia também:  Imposto será zerado para equipamentos e produtos de informática importados
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.