adonias-dilma-rousseff-e-teca-elizabeth-amalia-palhano-30-08-10

A obra inconclusa da travessia urbana da BR-364, no trecho de Rondonópolis deve se tornar manchete nacional, isso porque o vereador Adonias Fernandes (PMDB), disse que se aberta a Comissão Especial de Investigação (CEI), para saber os motivos de tantos atrasos na obra, a primeira pessoa que ele irá convocar para ser ouvida será a presidente Dilma Rousseff (PT).

A CEI que no ano passado serviu de plataforma política para alguns vereadores, volta a tona, com os mesmos ingredientes, contratação de auditoria, viagens dos nobres parlamentares para Brasília e Cuiabá e muito holofote, para ganhar espaço na opinião pública, pois 2014 já está chegando e tem muita gente querendo ser candidato a deputado estadual.

Leia também:  DEM pode dissolver diretórios municipais

A propósito, se Dilma vier depor, será a segunda vez que o prefeito Percival Muniz (PPS) receberá um Presidente da República no município.

Na primeira aparição presidencial em Rondonópolis (2004), Luís Inácio Lula da Silva (PT), os gastos foram altíssimos e até dois campos de pouso para os helicópteros presidencial tiveram que ser construídos.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.