café expresso 02O café voltou a ficar em baixa depois de ter sido alçado como aliado no combate a doenças cardíacas, derrames e diabetes.

Recente pesquisa, publicada no jornal “Investigative Ophthalmology & Visual Science” aconselha a redução do consumo da bebida. Segundo o estudo americano, quem bebe mais de três xícaras de café por dia pode vir a sofrer perda de visão, já que quantidades moderadas da bebida podem levar ao desenvolvimento do glaucoma.

A doença ocular se dá quando os tubos de drenagem no interior dos olhos começam a ficar obstruídos, impedindo que o fluido seja drenado adequadamente aos olhos e fazendo com que a pressão aumente, causando dano ao nervo óptico.

Este nervo liga o olho ao cérebro, e as fibras nervosas da retina (tecido nervoso sensível à luz que reveste a parte posterior do olho).

Leia também:  Afinal, por que engordamos tanto?

Pesquisadores, do “Brigham and Women’s Hospital”, em Boston, sugerem que os compostos encontrados no café podem aumentar a pressão dentro do globo ocular, causando uma alteração na visão, conhecida como síndrome de esfoliação, que pode levar ao glaucoma.

Para chegar a essa conclusão a pesquisa avaliou mais de 120 mil pessoas, acima dos 40 anos e que não são portadoras de glaucoma no Reino Unido e nos EUA.

Os participantes responderam a questionários sobre o consumo da bebida e seus prontuários médicos foram verificados para analisar o histórico de glaucoma.

Os que bebiam mais de três xícaras de café por dia apresentaram maior risco de desenvolver doenças relacionadas à visão do que as pessoas que não fazem consumo da bebida.

Leia também:  Dia Mundial sem Tabaco: cigarro light aumenta risco de câncer
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.