O ex-governador e senador da República, Blairo Maggi (PR), deve mesmo pedir sua desfiliação do Partido, a decisão teria sido comunicada no último final de semana a cúpula republicana. A informação da sua saída foi divulgada no programa ‘Ressumo do Dia’, apresentado pelo o ex-deputado e ex-prefeito de Cuiabá, Roberto França.

Ainda de acordo com a informação de França, já é dado a possível filiação do senador no Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) e que isso só não aconteceu ainda porque a filiação depende do resultado da consulta feita pelo senador ao TSE, indagando sobre a hipótese de se desfiliar da agremiação partidária, juntamente com seus dois suplentes. Outra opção do republicano é ingressar em uma dessas agremiações novas no quadro partidário brasileiro.

Leia também:  Metralhadora giratória
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.