Reunião foi marcada por relatos de violência e pedido de retorno da Semasp - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Reunião foi marcada por relatos de violência e pedido de retorno da Semasp – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O Conselho de Desenvolvimento Distrital de Vila Operária (CONDIVO) se reuniu ontem na igreja São José Operário para discutir com o comando do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e lideranças comunitárias ações para melhorar a segurança pública da região da grande Vila Operária.

Além da presença do comandante do 5º BPM estavam presentes os vereadores, Reginaldo Santos (PPS), Adonias Fernandes (PMDB), Mauro Campos (PT), Dico (PPS), Thiago Silva (PMDB) e Rony Magnani (PP), além de diversas lideranças comunitárias.

A reunião foi marcada por relatos de moradores que estão vivendo sobressaltados com a violência e por reivindicação do retorno da Secretaria Municipal de Apoio a Segurança Pública (SEMASP). “estamos atentos ao anseios da sociedade e por isso estamos trabalhando em esforço concentrado para que após está reunião possamos estabelecer metas e objetivos que realmente possam contribuir para a melhoria da segurança pública da nossa cidade”, disse o vereador Reginaldo.

Leia também:  Marketing de B.A.T.O.M lota auditório e alerta mulheres empresárias

Entre as providencias a sugeridas e que serão tomadas está a mobilização dos parlamentares para promover uma reunião com todos os segmentos da segurança pública, clubes de serviço, todas as esferas da polícia, o poder judiciário, o prefeito, o Ministério Público, diretores de escolas e o Gabinete de Gestão Integrada (GGI).

A reunião está marcada inicialmente para o próximo dia 15 na Câmara Municipal e deve tocar em temas polêmicos como o horário de funcionamento de bares, lanchonetes, e casas noturnas na cidade.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.