Conhecida por ter mais cálcio que um copo de leite e um elevado teor de proteínas, a semente de chia é uma ótima pedida para quem quer emagrecer de forma saudável, sem sofrer com carência de nutrientes. “As sementes de chia oferecem um coquetel de nutrientes, como ômega 3, fósforo, magnésio, potássio, ferro, zinco, cobre e manganês, e podem ser consumidas de muitas formas”, afirma o nutricionista Wellington Pinheiro, de São Paulo. Dá para sentir o sabor da chia, misturá-la a outros alimentos ou até preparar receitas, só depende da sua disposição em incluir mais essa novidade na dieta.

Consuma em forma de gel
Quando você mistura a semente de chia com água, ela começa formar uma espécie de gel, reação característica das fibras solúveis. “Comer essa gelatina provoca um atraso no esvaziamento gástrico, aumentando a sensação de saciedade”, diz a nutricionista Bruna Pinheiro, do Dieta e Saúde. Além disso, o gel formado aumenta o volume do bolo fecal, melhorando o funcionamento do intestino e prevenindo a prisão de ventre. Para consumir a chia em forma de gel, deixe uma colher de sopa da semente de molho em 60 ml de água durante aproximadamente 30 minutos. “O ideal é consumir o gel assim que ele estiver formado, não sendo recomendado guardar a mistura para comer depois.”

Leia também:  O que é obstrução urológica, problema que atingiu Michel Temer

Vitaminas e sucos
Ao acrescentar a chia em sucos ou vitaminas, você não só aproveita todos os nutrientes que as frutas oferecem como também está ingerindo boas doses de cálcio, proteínas, ferro e zinco. “Além disso, a chia potencializa o efeito antioxidante das frutas, ajudando no combate ao envelhecimento e prevenindo doenças como o câncer”, diz Bruna Pinheiro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.