Marcio começaria a ministrar aulas a partir de segunda-feira  em uma universidade particular no município. Foto Arquivo pessoal.
Marcio começaria a ministrar aulas a partir de segunda-feira em uma universidade particular no município. Foto Arquivo pessoal.

Márcio Ricardo de Carvalho, 32 anos, caiu do telhado do Edifício Vitória Régia no centro de Rondonópolis na tarde desta deste sábado (16/02), o professor começaria a ministrar aulas a partir de segunda-feira  em uma universidade particular no município.

De acordo com uma moradora do prédio, o rapaz chegou ontem à noite em Rondonópolis estava hospedado no apartamento de outro professor no quinto andar do prédio.

Segundo a perita da Polícia Técnica (Politec), Soraya Pesquero, as possibilidades de suicídio e homicídio vão ser analisadas, “Temos ainda que apurar alguns fatos, não posso afirmar que foi suicídio, qualquer afirmação seria especulação, vamos tratar o caso por enquanto como segredo de justiça”, informou a perita.

Leia também:  Motorista do Uber é agredido por taxistas, mesmo não sendo culpado por acidente

Ainda de acordo com Soraya um chinelo e cigarros que aparentemente pertenciam a Márcio estavam próximo ao parapeito de aonde o professor teria caído ou sido jogado. A perita ainda revelou que o professor caiu em pé, já que os exames preliminares feitos  ainda no local identificaram múltiplas fraturas nos pés e nas pernas, “Posso afirmar que ele caiu em pé por causa das fraturas nas pernas e nos pés e pela ausência de fratura no crânio”, ainda de acordo com as informações da perita, Márcio, tinha alguns ferimentos antigos, inclusive com sutura nos braços.

Agora as investigações  da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) e os laudos da Politec  vão apontar se o professor cometeu suicídio ou foi jogado do prédio.

Leia também:  Feriado de 7 de setembro terá transporte público gratuito para a população

Márcio era Graduado e Mestre em Ciências Sociais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2007), cursava Doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Estadual de Campinas. Tinha experiência na área de Sociologia, com ênfase em Sociologia Urbana, atuava principalmente nos seguintes temas: medo urbano, percepção espacial, violência e criminalidade, políticas públicas de segurança e políticas urbanas e geografia humana.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.