Cerca de 20 comunidades foram atendidas com o mutirão. Foto Varlei Cordova/AGORA MT
Cerca de 20 comunidades foram atendidas com o mutirão. Foto Varlei Cordova/AGORA MT

O serviço de limpeza, gradeação e roçagem beneficiou 20 comunidades com a eliminação do matagal do total de 442,9 hectares de áreas de grandes extensões. O mutirão coordenado pelo secretário de Meio Ambiente de Rondonópolis, Lindomar Alves, resultou na limpeza de 10.712 terrenos baldios na zona urbana do município. A ação trouxe mais saúde e segurança para a população e beleza urbana.

A ação representa 177,16 alqueires e uma população de 46.460 pessoas atendidas diretamente. A ação de prioridade na força tarefa de combate ao mosquito transmissor da dengue foi desenvolvida em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais e diversas empresas do segmento do agronegócio, além da Câmara Municipal.

De acordo com o balanço geral apresentado pelo secretário o mutirão de limpeza contemplou os moradores do Residencial Ana Carla, Parque Universitário, Belo Horizonte, Sagrada Família, Cidade de Deus, Parque São Jorge, Granville I, Sunflawer, José Sobrinho, Dom Osório e Jardim Adriana. As máquinas atuaram também no Portal das Águas, Bela Vista, Vila Goulart, Santa Clara, Padre Lothar, Terra Nova, Colina Verde, Lúcia Maggi e Parque das Rosas.

Leia também:  Moradores do Colina Verde e Sagrada Família reclamam da falta de água nos bairros

Alves conta que a limpeza de terrenos é o terceiro item do mutirão organizado pela Secretaria de Saúde para combater o mosquito da dengue na cidade. O vereador Jailton Dantas – o Jailton do Pesque-pague é apontado como principal articulador da ação desenvolvida graças à parceria do setor produtor.  O presidente do Sindicato Rural, Miguel Weber atuou como principal motivador para atrair a participação dos empresários do agronegócio.

As empresas privadas, além do Sindicato Rural e Associação de pequenos produtores, disponibilizaram 13 maquinários, entre tratores com grade e com roçadeiras, patrol, pá-carregadeira e tratores da agricultura familiar. O mutirão teve a parceria também da Secretaria de Agricultura e Pecuária do Município e da Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis – Coder que se responsabilizou pela manutenção e abastecimento dos maquinários durante a operação.

Leia também:  Caminhão derrama óleo na pista e causa transtorno na avenida dos Estudantes

Apesar das chuvas constantes que comprometeram o trabalho num prazo de três a quatro dias, Lindomar Alves concluiu o mutirão de limpeza na sexta-feira (9), graças ao apoio da iniciativa privada e da própria sociedade.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.