Bombeiros do México trabalham em meio aos escombros após explosão no edifício da empresa Pemex (Foto: AP Photo)
Bombeiros do México trabalham em meio aos escombros após explosão no edifício da empresa Pemex (Foto: AP Photo)

Subiu para 25 o número de mortos em  uma explosão no edifício sede da estatal de petróleo Pemex, na Cidade do México, nesta quinta-feira (31), de acordo com o governo do país. Há ao menos 100 pessoas feridas.

“Lamento profundamente a morte de colegas de trabalho da Pemex. Minhas condolências à sua família”, disse o presidente do México, Enrique Peña Nieto, via Twitter.

“Estamos utilizando todos os recursos para investigar e conhecer as causas do acidente. Esperaremos o resultado das perícias e, com transparência, os divulgaremos”, disse o secretário de Governo Miguel Angel Osorio Chong.

Antes de anunciar que houve uma explosão, a Pemex havia dito que o prédio havia sofrido um problema com o fornecimento de eletricidade. De acordo com a agência AFP, a explosão ocorreu em uma subestação de energia.

Leia também:  Jovem consegue se casar com senhora de 73 anos após ameaças de suicídio

Na entrevista coletiva que ofereceu em uma das partes do complexo da Pemex, Osorio Chong não quis fazer comentários sobre a possibilidade de um atentado e pediu aos jornalistas que aguardem as investigações.

“Seria uma grande irresponsabilidade, sem os elementos completos, suficientes, divulgar uma informação que não temos”, respondeu o ministro.

Imagens de televisão mostraram entulho nas proximidades do arranha-céu e feridos sendo retirados em macas. A situação na torre da Pemex era “delicada”, disse um porta-voz dos serviços de emergência locais, segundo a agência Reuters.
Policiais e equipes de resgate trabalham na área do edifício da empresa petrolífera Pemex, onde uma explosão deixou mortos e feridos.

“Estávamos conversando e, de repente, ouvimos uma explosão com fumaça branca. Vidros caíram das janelas e as pessoas começaram a correr cheias de pó”, disse à AP María Concepción Andrade, que mora no mesmo bloco de edifícios da Pemex. “Havia muitas pedras que voavam na mesma explosão.”

Leia também:  Brasileiro movido por ciúmes mata ex-amigo estrangulado na Itália

A explosão ocorreu às 3h45 pm (horário local) na Cidade do México em um anexo ao conhecido Pemex Executive Tower, um dos mais altos da capital. O subsecretário de mídia do Ministério do Interior, Eduardo Sanchez, disse que a explosão causou danos no piso térreo e do primeiro e segundo andar do prédio administrativo da empresa.

“Foi uma explosão, um choque, a energia caiu e de repente nós tivemos um monte de escombros”, disse à televisão Milenio Obele Cristian, que se identificou como funcionário da empresa e foi ferido na perna.

As ruas ao redor do edifício foram evacuadas.  Quatro helicópteros policiais federais desembarcaram na área para começar a transportar os feridos.

Leia também:  Morador de rua que socorreu várias vítimas de ataque em Manchester recebe de presente casa própria

Outros acidentes
Momentos antes da explosão, o diretor de operações Carlos Murrieta disse, via Twitter, que a empresa havia reduzido sua taxa de acidentes nos últimos anos. A maioria ocorre em dutos e refinarias.

Um incêndio em uma usina de gás de receber matou 30 trabalhadores em setembro, na cidade fronteiriça de Reynosa. Para a empresa, o fato foi o acidente com o maior número de mortes na última década.

*Com informações da Associated Press, EFE, Reuters e AFP.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.