A Polícia Militar vai atuar com 14.454 homens para garantir a segurança dos foliões neste ano, quase 2,5 mil a mais do que no carnaval do ano passado. A partir de amanhã (8), quando oficialmente começa a festa na cidade, o patrulhamento ostensivo estará reforçado, com um total de 2.162 viaturas nas ruas.

Somente na capital, onde são esperados 357 blocos, além do desfile das escolas de samba na Marquês de Sapucaí, haverá 7,6 mil policiais militares de serviço diariamente. O reforço vai até o sábado do desfile das escolas de samba campeãs. O policiamento especial de carnaval vai contar ainda com o plantão de unidades especiais da PM, como o Batalhão de Operações Especiais (Bope) e o Batalhão de Choque, que terão 500 policiais de plantão por dia para atuar em situações de emergência.

Leia também:  Cerco à Rocinha vai mobilizar 950 militares e dez blindados, anuncia ministro

“O carnaval no Rio tem crescido muito nos últimos anos e a Polícia Militar tem o compromisso de garantir a segurança dos foliões. Essa operação já está sendo planejada há meses. Trabalhando em parceria com outras corporações, nós poderemos garantir um carnaval seguro para todos”, disse o porta voz da PM , coronel Frederico Caldas.

Os turistas que visitam a cidade também receberão atenção especial. Equipes do Batalhão Especial de Atendimento ao Turista (Bptur) estarão de plantão principalmente nas áreas de maior movimentação de visitantes. Cada grupo de plantão terá pelo menos um policial bilíngue para facilitar o atendimento. O policiamento nos pontos mais visitados da cidade também será reforçado. Nos nove dias de patrulhamento especial, dois helicópteros da PM e duas embarcações estarão de prontidão para serem acionados caso necessário.

Leia também:  Policial tenta abastecer sem pagar e agride frentista após ser cobrado
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.