As vendas de materiais de construção cresceram 5,4% em janeiro de 2013 ante dezembro do ano passado. Na comparação com dezembro de 2012, houve crescimento de 0,8%. Nos últimos 12 meses, a elevação foi 1,3% na comparação com o mesmo período do ano anterior. Os dados são da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat).

No caso dos materiais básicos, a venda apresentou crescimento de 4,7% em janeiro na comparação com o mesmo mês do ano passado. Na comparação com dezembro de 2012, houve crescimento de 5,1%. Nos últimos 12 meses foi observada queda de 1% em relação aos 12 meses anteriores.

Leia também:  Brasil precisa melhorar qualidade da carne para não perder mercado, diz empresa

Segundo o índice, o nível de emprego na indústria de materiais de construção teve queda de 0,6% em janeiro ante dezembro de 2012. Na comparação com janeiro do ano passado, apresentou queda de 1%.  Na indústria de materiais básicos, o emprego registrou crescimento de 0,6% em relação a janeiro do ano passado. Com relação a dezembro, houve queda de 0,2%.

De acordo com a Abramat, o resultado de janeiro de 2013 em relação ao mesmo período do ano passado mostrou elevação maior do que a previsão estimada para o ano. A expectativa da entidade é a de crescimento de 4,5% em relação a 2012. “O alcance da expectativa neste ano dependerá da velocidade de execução dos programas de estímulo ao investimento, como as novas concessões de rodovias, portos e aeroportos, da manutenção da política de estímulo ao consumo pelas famílias, da desoneração do ICMS [Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços] pelos estados, além de maior fluidez no crédito no varejo”, diz a Abramat.

Leia também:  MT fica em 2° lugar no ranking nacional de contratações com carteira assinada
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.