Equipes de resgate procuram vítimas na cabine de um avião que caiu nesta segunda-feira (4) em Goma, Congo (Foto: AP Photo / Melanie Gouby)
Equipes de resgate procuram vítimas na cabine de um avião que caiu nesta segunda-feira (4) em Goma, Congo (Foto: AP Photo / Melanie Gouby)

 

Um avião comercial com nove pessoas a bordo caiu no início da tarde desta segunda-feira (4) na região de Goma, no leste da República Democrática do Congo (RDC), matando ao menos cinco indivíduos, informou um policial à AFP.

Os policiais encontraram no local do acidente cinco corpos e retiraram três pessoas feridas dos destroços do aparelho. Os trabalhos de socorro foram suspensos com a chegada da noite, disse à AFP um oficial da polícia em Goma.

O avião transportava seis passageiros e três tripulantes, segundo um funcionário da companhia local CAA, proprietária do aparelho.

Mais cedo, fontes policiais haviam informado a morte de “dezenas de pessoas” no acidente com o avião, que caiu em um bairro residencial quando se preparava para pousar em Goma. Governo local também divulgou mais cedo a morte de “nove pessoas”.

Leia também:  Vítimas de atentado em Barcelona aumentam chegando a 100 feridos e 13 mortos

A aeronave, um Fokker, havia decolado da cidade mineradora de Lodja, na região de Kasai, e caiu devido às más condições meteorológicas no momento do pouso, segundo fontes locais.

Os acidentes aéreos são frequentes na RDC, e todas as companhias do país, cerca de 50 identificadas, estão na lista das União Europeia de interdição para voo em seu espaço aéreo.

Em 12 de fevereiro de 2012, seis pessoas morreram em um acidente de avião no aeroporto de Bukavu (leste). Entre as vítimas estava o deputado Augustin Katumba Mwanke, considerado o herdeiro político do presidente congolês Joseph Kabila.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.