“Estou contando os dias para ver meu filho subir em um palco de novo, mesmo que seja em um holograma”, emociona-se Lucinha Araújo, mãe do saudoso Cazuza (1958-1990). “Um artista que deixou uma obra como a dele não morre nunca”, completa.

O cantor e compositor será homenageado na abertura da próxima edição do festival Rock In Rio, no dia 13 de setembro — na última edição, em 2011, o agraciado com um show especial foi Renato Russo. O espetáculo ‘O Poeta Está Vivo’ terá curadoria do antigo parceiro Frejat e a direção musical do ex-Os Mutantes Liminha. No repertório, clássicos inesquecíveis dos tempos com o Barão Vermelho e da carreira solo, de ‘Bete Balanço’ a ‘O Tempo Não Para’.

Leia também:  Luan Santana beija fã durante 'casamento' em festa de São João
Foto: João Laet / Agência O Dia
Foto: João Laet / Agência O Dia

“Convidei para participar pessoas que tiveram uma ligação direta com o Cazuza, como a Bebel Gilberto, o Ney Matogrosso ou o Paulo Miklos (do Titãs), que ele adorava, e artistas que vão curtir estar lá cantando as músicas dele, como o Rogério Flausino (Jota Quest) e a Maria Gadú”, detalha Frejat.

Aproveitando a homenagem, o Rock In Rio formou uma parceria com a Sociedade Viva Cazuza com o objetivo de chamar a atenção para o tema da Aids. “O índice de infectados tem aumentado e temos que falar para essa juventude que é preciso se cuidar”, ressalta Roberta Medina, vice-presidente executiva do Rock In Rio. “Vamos fazer ações no site e dentro do festival”.

Carnaval do Rock

Leia também:  Karl Franz Hummel, ex-guitarista do Camisa de Vênus, está internado em estado grave, segundo mulher do músico

Além do anúncio do show ‘O Poeta Está Vivo’, foi confirmado também na tarde de ontem as participações de Skank, Jota Quest, o grupo paulista Kiara Rocks e a não roqueira Ivete Sangalo — que se juntam às atrações nacionais já confirmadas Capital Inicial e Sepultura.

“Se somar o tempo de carreira de todas essas bandas, dá mais de 100 anos, e por mais tempo de estrada que a gente acumule, nunca é fácil subir no palco do Rock In Rio e encarar aquela multidão”, descreve Samuel Rosa, vocalista do Skank. “Até porque você não está ali cantando só para o público: o país inteiro assiste aos shows. O Rock In Rio é o Carnaval do segundo semestre!”.

Leia também:  Katy Perry adia início da turnê e anuncia participações especiais em algumas datas dos shows
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.