O secretário de Estado de Indústria, Comércio, Minas e Energia (Sicme), Alan Zanatta, participa entre os dias 13 e 15 de março da agenda do FCO Itinerante 2013 na região Norte de Mato Grosso. “Queremos disseminar as ações do Governo do Estado e levar informações para empresários e produtores rurais do interior, através de palestras explicativas da equipe do Fundo Constitucional do Centro Oeste”, explica o secretário.

A programação desta semana começa no município de Carlinda nesta quarta-feira (13), segue em Nova Canaã do Norte na quinta-feira (14.03) e termina em Colíder na sexta-feira (15.03). Ao todo, a edição 2013 do FCO Itinerante irá percorrer 24 municípios de Mato Grosso.

Zanatta informa que a determinação do governador Silval Barbosa é para que todos os secretários de Estado se dediquem ainda mais aos municípios do interior, intensificando as ações. “Mapeamos as cidades que vão receber o FCO Itinerante com a preocupação de levar informações sobre as linhas de financiamento, através de palestras para o maior número de empresários e produtores rurais”.

O titular da Sicme explica que o objetivo do evento é mostrar as vantagens e benefícios desta linha de financiamento. “Essa ação contribui para o desenvolvimento do Estado. Para 2013 o valor destinado ao FCO é de cerca de R$ 1,5 bilhão, sendo R$ 750 milhões para o rural e R$ 750 milhões para o empresarial”, reforça o secretário.

Na oportunidade o público também pode sanar dúvidas com os técnicos representantes da Sicme, das secretárias de Estado de Desenvolvimento Rural e Agricultura (Sedraf), de Desenvolvimento do Turismo (Sedtur), e também com os demais parceiros, como Banco do Brasil, Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Ministério da Integração Nacional.

A novidade para este ano é a apresentação do novo Fundo do Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO), voltado aos projetos estruturantes e logísticos. “Para esse fundo teremos um aporte de cerca de R$ 1,4 bilhão, já previsto no orçamento da União deste ano. Após aprovação, o recurso já estará disponível para o setor privado”, explica o diretor do Ministério da Integração Nacional, Cleber Ávila.

FCO em números
Desde 2003, foram beneficiadas em Mato Grosso mais de 25 mil empresas, gerando 104.269 empregos, tendo um investimento privado na ordem de aproximadamente R$ 4 bilhões, ou seja, valor que as empresas investiram em Mato Grosso.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.