Reunião contra Violêcia Doméstica-Foto: Varlei Cordova/AGORA MT
Reunião contra Violêcia Doméstica-Foto: Varlei Cordova/AGORA MT

Membros do Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (CMDM) de Rondonópolis realizaram na manhã desta quarta-feira (27) uma reunião para as entidades ligadas ao órgão para discutir problemas relacionados a Cadeia Pública Feminina, apresentar o novo Juiz da Vara da Violência Doméstica e conhecer o projeto de Reeducação Familiar.

Durante a reunião a  Promotora de Justiça de Combate a Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Rondonópolis, Regilaine Crepaldi, apresentou o projeto e mostrou as entidades o objetivo real dos trabalhos.

Segundo Mara Oliveira, presidente do conselho, já houve na entidade problemas reais em que o agressor volta para casa, após a pena, muito pior e mais violento. Ainda segundo ela este projeto irá ajudar muito o trabalho das conselheiras.

Leia também:  Dados do IBGE apontam que a pobreza cresceu no Brasil entre 2016 e 2017

O Juiz Túlio Duailibi Alves Souza, responsável pela Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, foi apresentado na reunião e se comprometeu a dar agilidade aos processos e ser parceiro nas ações realizadas pela entidade.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.