População participou da ação - Foto: Assessoria
População participou da ação – Foto: Assessoria

O ciclo de atendimentos do Mutirão Rural da Cidadania terminou nesta quarta-feira (13/03) e deixou um saldo extremamente positivo no município de Alto Araguaia. Foram beneficiadas 610 pessoas e realizados cinco mil atendimentos. A intenção do projeto é facilitar o acesso do cidadão aos direitos básicos por meio da descentralização de ações ao reunir vários parceiros, de diferentes segmentos para levar diversos serviços, como por exemplo, a emissão de documentos.

O Mutirão foi realizado em duas etapas. A primeira aconteceu durante toda terça-feira (12/03) na Escola Estadual Onecídio de Resende, no Distrito do Buriti, beneficiando 79 pessoas e prestando 587 atendimentos. Já na área central do município, na Escola Adalcy da Conceição Rodrigues, no Bairro Dom Bosco, o Mutirão Rural prestou 4.414 atendimentos a 531 pessoas. A maior procura foi pela confecção do documento de identidade e carteira de trabalho. O último atendimento em Alto Araguaia aconteceu por volta das 18h30min.

Durante os dois dias foram ofertados diversos serviços de forma gratuita como a confecção de vários documentos. Além disso, foram prestadas orientações na área da saúde, direitos trabalhistas, reforma agrária, programas e cursos do Senar, Procon, MT Saúde, Detran, entre outros assuntos.

As equipes ainda realizaram vacinação, fotocópias de documentos, fotografias, corte de cabelo, distribuição de preservativos e escovas de dente, além de exames médicos, como a aferição de pressão e teste de glicemia. O Mutirão da Cidadania é resultado de uma parceria entre Governo do Estado de Mato Grosso, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (SETAS) e prefeitura de Alto Araguaia.

O sucesso do Mutirão da Cidadania em Alto Araguaia foi traduzido em números. “Foram dois dias de atenção com os moradores e conseguimos atender a demanda. Foram dias de intensa atividade, tanto no Buriti quanto na área central. Os números mostram que o Mutirão foi um sucesso”, disse a secretária de Assistência e Promoção Social, Sandra Paniago.

O coordenador do Mutirão da Cidadania, João Vargas, acredita que Alto Araguaia o surpreendeu pelo movimento e não está descartado outro evento ainda em 2013. “Os moradores do Buriti estão bem documentados. Na área central de Alto Araguaia o movimento foi intenso. As filas não reduziram um só momento. Alto Araguaia merece outro Mutirão”, pontua.

“O Mutirão da Cidadania é um grande trabalho de inclusão social e de resgate a cidadania. É uma oportunidade que a população tem para acessar diversos serviços, além de regularizar-se quanto a sua documentação e cuidar da saúde. O Mutirão foi sucesso absoluto em Alto Araguaia ao levar serviços diversos a mais de 5 mil pessoas”, destacou o prefeito Maia Neto (PR).

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.