A prefeita de Ribeirão Cascalheira (930 km de Cuiabá), Patrícia Fernandes de Oliveira, (PMDB), 42 anos, morreu, ontem (28), em acidente, entre duas caminhonetes, em uma rodovia estadual de Goiás. O marido dela, Maurílio Vilela também faleceu. A outra vítima é uma mulher que viajava no outro veículo envolvido na colisão. A prefeita estava em uma L 200, preta, que ficou totalmente destruída. A filha do casal ( 8 anos), um cunhado e uma sobrinha da prefeita ficaram feridos e estão em um hospital de Goiânia. Não há informações sobre o estado de saúde deles.

acidente prefeita 2
Foto: Diário do Interior

A prefeita e a filha foram atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levadas ao Hospital Municipal de Iporá. Contudo, Patrícia morreu instantes depois ao chegar na unidade médica. Um grupo de políticos e amigos de Patricia, em Ribeirão, seguiu a Goiás para auxiliar os feridos.

Uma mulher que estava na outra caminhonete também faleceu e 3 pessoas ficaram feridas, porém, sem gravidade e foram levados ao Hospital Municipal de Iporá, (50 km do local da colisão). O local do acidente fica há cerca de 120 Km da cidade mato-grossense de Barra do Garças, que faz divisa com Goiás.

Das 3 vítimas fatais, apenas Maurílio Vilela morreu no local preso às ferragens. O Corpo de Bombeiros foi acionado para cortar a lataria e retirar o corpo das ferragens.

Os corpos devem ser liberados nesta sexta-feira. Serão velados em Ribeirão Cascalheira até o meio-dia, na câmara municipal, e trasladados para a cidade goiana de Israelândia, onde moram familiares da prefeita e do esposo.

Patricia estava no primeiro mandato. Foi eleita com 2.519 votos. O vice Reynaldo Fonseca Diniz (PSB) deve assumir a prefeitura.

Além da criança ferida, Mauricio e Patricia tinham dois filhos de 18 e 19 anos.

acidente prefeita
Foto: Diário do Interior

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.