Os problemas sociais de Rondonópolis certamente seriam maiores sem a coragem e a dedicação das pessoas que lideram as entidades assistenciais no município. Esta avaliação foi feita pelo vice-prefeito Rogério Salles durante a reunião ordinária do Conselho Municipal de Assistência Social – Comas, na tarde desta quinta-feira (28). A presidente do Comas, Chirlei Daiane da Silva, aproveitou a oportunidade para pedir mais apoio do Poder Público para as entidades que integram o Conselho.

”Tenho claro, desde a primeira vez que participei do serviço público, a importância que tem as entidades em Rondonópolis. Sei o quanto o problema seria maior sem a assistência oferecida. Graças às pessoas que lideram essas entidades, o espírito solidário se transforma em serviço realmente. Se não fosse pela coragem delas de assumir a liderança das entidades, tudo seria mais difícil. Sei que não é fácil assumir um compromisso permanente. Por isso quero agradecer”, afirma.

Leia também:  Podemos pode lançar candidatos na região

O convite da presidência do Comas para Rogério marcar presença no encontro mensal foi com o objetivo de reivindicar maior participação do Governo Municipal e a definição de uma data fixa para fazer os repasses de subvenção às 22 entidades agregadas dentro do Conselho. A sugestão é que a Secretaria de Finanças faça o pagamento toda última quinta-feira do mês, data em que os conselheiros se reúnem para avaliar as diversas ações assistenciais desenvolvidas.

Chirlei da Silva reclamou ainda a falta de representantes das secretarias de Finanças, Desenvolvimento Econômico e Planejamento, Coordenação e Controladoria Geral do Município junto ao Comas. Rogério Salles fez o compromisso de recomendar ao secretário de Governo, Jaeder Carlos Pereira, que solicite a definição de nomes desses setores para integrar o conselho. O vice-prefeito se comprometeu também em verificar junto ao secretário Jamilio Adozino (Finanças) a possibilidade de definir o calendário de repasses das entidades.

Leia também:  Idosos e deficientes poderão ser isentos de pagar Zona Azul
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.