O técnico Bernardinho seguirá à frente da Seleção Brasileira masculina de vôlei até os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro-2016. O treinador carioca, no cargo desde 2001, continuará dividindo seu tempo entre a equipe nacional e a Unilever, time com o qual foi campeão da Superliga feminina no último domingo.

Após a medalha de prata nas Olimpíadas de Londres-2012, Bernardinho afirmou que dificilmente se manteria à frente dos dois times para reservar mais tempo a sua família. Durante o último ano, no entanto, ele já acenava com a continuidade do trabalho duplo.

“A ideia é continuarmos. O planejamento é feito para isso, um trabalho longo de quatro anos e pensando já na frente até pedindo à Confederação que atue junto aos clubes para que em 2016 nós possamos ter um pouco mais de tempo do que em 2008 e 2012, em que a Superliga terminou muito em cima da Liga Mundial e não nos permitiu uma pré-temporada, que é muito importante”, disse o treinador em evento realizado em São Paulo na manhã desta terça-feira.

Leia também:  Em competição em Cuiabá, estudantes de Rondonópolis se classificam para Jogos Brasileiros

O trabalho com a equipe nacional já deve começar na próxima semana, quando Bernardinho passa a comandar os treinamentos do grupo nacional sub-23 que disputará a Copa Pan-americana no México. Dez atletas já se apresentaram no centro de treinamento da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) onde trabalham sob orientação do assistente técnico Rubinho.

O principal motivo para Bernardinho deixar um de seus dois empregos era a pressão de sua família para ter mais tempo livre. O treinador, no entanto, demonstrou que aos poucos vai convencendo a esposa Fernanda Venturini e as filhas a deixá-lo seguir à frente da Seleção Brasileira e da Unilever.

“A família continua cobrando, mas eu continuo enrolando e enrolando”, brincou o técnico, dono de uma medalha olímpica de ouro e duas de prata com a Seleção masculina. À frente da Unilever, ele tem oito títulos da Superliga feminina.

Leia também:  Torneio de tênis começa nesta quarta em Cuiabá
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.