O delegado Rafael Fossari, responsável pela Delegacia de Polícia Civil de Poxoréu,  foi designado para o inquérito do caso da advogada Alessandra  Martignago, 30, morta no último dia 29 (sexta-feira) em Primavera do Leste.

A portaria que designa Fossari foi assinada na tarde de ontem (4) pelo Delegado Regional de Primavera Percival Eleutério de Paula. Segundo o Regional, o fato da mudança se deve porque o delegado Marcelo Jardim, que estava responsável pelo caso, tem uma demanda muito grande no local onde atua. Já o novo delegado, por trabalhar em uma cidade mais tranquila, poderá cuidar exclusivamente do caso.

O suspeito Cristiano Inácio dos Santos que sofreu o acidente durante a perseguição, continua internado no Hospital Regional de Rondonópolis (HRR) em coma. Segundo a assessoria do hospital o estado de saúde dele é grave.

Leia também:  Grupo é preso por receptação de rodas esportivas em MT

O CASO

A Advogada Alessandra Martignago foi assassinada brutalmente em sua própria residência, em Primavera do Leste. A família da jovem  é que teria encontrado o corpo na tarde da sexta-feira (29). A suspeita é de que a advogada teria sido estuprada, degolada e deixada na lavanderia de sua casa.

Cristiano Inácio dos Santos, de 24 anos, foi preso quando fugia da polícia na camionete da vítima. Ele perdeu o controle e caiu dentro de um lago de Primavera do leste. Cristiano também levou um tiro na perna disparado por um policial.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.