O menor e Edson já no Cisc - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
O menor (branco) e Edson (vermelho) já no Cisc – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Edson Souza Pacheco, 22 anos, e o menor I.E.S., 17 anos (D3) foram detidos ontem (26), no Jardim Iguassu, após a Polícia Militar receber denúncias de que os dois eram suspeitos de estarem envolvidos em crimes que ocorreram na cidade.  Uma pessoa teria ligado para a PM e dado nomes sobre uma suposta quadrilha que estaria realizando roubos a supermercados e pessoas em Rondonópolis.

Os nomes indicados foram de Luquinha (Tiririca), Fabiano, Maicon, Betinho, Japinha e Israel (D3), além de uma pessoa que não soube dizer a identificação, mas que seria essa pessoa que fornece armas para a quadrilha. Após a denúncia, a PM foi fazer diligências para tentar encontrar os suspeitos, momento em que fez a abordagem do menor conhecido como ‘vulgo D3’.

Leia também:  Moto com queixa de roubo ou furto é recuperada e mulher é presa por receptação

D3 estava em uma motocicleta, porém a polícia não encontrou com ele nada de ilícito. A PM informou que orientou o menor a guardar a moto, já que havia irregularidades e depois o liberou. Após cinco minutos a PM retornou ao local e já encontrou o jovem descendo a rua a pé, questionado sobre o veículo D3 teria dado várias versões e sempre se contradizendo.

O menor chegou a dizer que a moto era de seu primo, motivo que fez a PM pedir para que D3 entrasse em contato com o parente e o mandasse ir até o local onde estava essa moto. Minutos depois, o suspeito Edson chegou no local, em um carro Gol branco e ele também se contradizia ao contar a quem pertencia a moto, até que por fim falou que a moto estaria com sua esposa.

Leia também:  Itiquira | 'Boca de fumo' comandada por adolescentes é fechada pela Polícia

Já D3 voltou atrás e disse que teria guardado a motocicleta na casa de um amigo que morava próximo de onde eles estavam. O menor tentou enganar a PM, mas a moto foi vista dentro da área de uma quitinete. Nesse local, especificamente debaixo da pia, a polícia encontrou dinheiro, um capacete e as chaves da moto e da residência, o menor afirmou que a casa era de Luquinha (suspeito de ter assaltado um supermercado ontem).

O menor negou que a chave era da quitinete, mas ao testar a PM conseguiu abrir a porta da referida casa. No local foram encontrados dois revólveres, sendo um calibre 32 com três munições e o outro era um calibre 38 com seis munições intactas. Também foram encontrados vários objetos sem procedência como relógios, bolsas, pulseiras e peças de motos.

Leia também:  Amigo de boteco sai para 'afogar o ganso' e fica sem moto

Diante dos fatos os dois foram encaminhados para o Cisc para as devidas providências.

Dinheiro, armas e objetos encontrados na quitinete - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Dinheiro, armas e objetos encontrados na quitinete – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.