Felipe Massa acredita que a Ferrari deve voltar a desafiar seus principais rivais por vitórias a partir do GP da China do próximo final de semana.

O brasileiro superou seu companheiro de equipe, Fernando Alonso, nas últimas duas classificações e está na frente do espanhol no campeonato após as duas primeiras etapas da temporada. Agora, ele acha que voltou ao nível de brigar por triunfos na categoria.

“Estou muito confiante. Acho que podemos voltar a vencer”, declarou o piloto de 31 anos ao jornal italiano “La Gazzetta dello Sport”.

Na última corrida, a Ferrari colocou Massa na segunda posição no grid, logo à frente de Alonso, terceiro. No final, ficou apenas com a quinta posição do brasileiro enquanto o espanhol abandonou na segunda volta após quebrar a sua asa dianteira.

Leia também:  Palmeiras assume a vice-liderança após vencer Grêmio fora de casa

Mesmo assim, o vice-campeão de 2008 acha que o seu resultado não condiz com o real desempenho da equipe, já que ele sofreu um problema com o desgaste dos pneus intermediários nas primeiras voltas da corrida, em que ele despencou para a sétima posição.

“Não acho que tivemos carro para vencer em Sepang, mas acho que tínhamos um carro para brigar pelo pódio. O ritmo era bom perto do final. Se não fosse o problema de esfarelamento no [do pneu] no começo, com certeza a corrida poderia ter sido muito diferente e a chance de brigar por um pódio seria muito maior. Foi importante no final levar alguns pontos, e a quinta posição, considerando a primeira parte da corrida, não foi tão ruim”, explicou.

Leia também:  Seleção brasileira fica no Grupo E estreando o primeiro jogo contra Suíça

“Agora, vamos colocar os pés no chão. Fizemos um bom trabalho com o carro, mas existe muito por fazer com o desenvolvimento do carro para deixá-lo mais competitivo. Acho que se continuarmos nesta direção, temos a chance de vencer corridas e lutar pelo campeonato”, completou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.