barra do bugre
O festival aconteceu de 18 a 21 de abril e contou com 138 embarcações. Foto da assessoria.

O último dia, 21 de abril, encerrou com a tradicional pesca esportiva. Este ano, o Fest Bugres bateu o Recorde, com 138 embarcações, que contou com a participação de pessoas de outros Estados, como São Paulo, Minas Gerais e Rondônia. O Fest Mirim de Barranco, que aconteceu paralelo ao Fest Bugres, contou com a participação de 120 crianças. A Usina Barracool realizou a soltura de 15 mil alevinos de pacu e piraputanga. A estimativa de público circulando durante o domingo, foi de aproximadamente 15 mil pessoas, que dançaram e divertiram ao som das bandas locais.

O Fest Bugres contou com a presença de autoridades estaduais e federais. Os deputados federais Roberto Dorner e Eliene Lima e os estaduais, José Domingos, José Riva, Wagner Ramos e Ailton Português. Estiveram presentes também, a secretária de Estado de Cultura, Janete Riva, o secretário de Estado de Agricultura, Meraldo Sá, além de representantes da Secretaria de Estado de Turismo, Ministério da Pesca e a Marinha do Brasil.

Leia também:  Cuiabá sediará campeonato brasileiro de montaria em touros

O prefeito Julio Florindo agradeceu o apoio de todos que contribuíram direta ou indiretamente, para a realização e sucesso do evento. “Agradecemos aos patrocinadores, colaboradores, funcionários da Prefeitura, parceiros, a imprensa local e regional, todos, que de uma forma ou de outra ajudaram para a realização do Fest Bugres. Estamos felizes e satisfeitos com o resultado do evento”, destacou o prefeito.

A FESTA

Quatro dias de muita festa, animação e surpresa ao público que participou e prestigiou o Fest Bugres 2013. Iniciado no dia 18 de abril, a abertura contou com apresentações culturais indígenas, que ganharam um foco especial neste Festival. A Oca instalada a beira do Rio Paraguai chamou atenção do público presente, que pode conferir além das apresentações, um pouco mais sobre a história Umutina e artesanatos indígenas, feitos pelos próprios índios.

Leia também:  Fiscalização nas rodovias federais durante o feriadão será reforçada

Na abertura, os Umutinas fizeram uma encenação, sobre sua origem cultural e histórica, contando desde a invasão dos brancos, até a chegada de Marechal Rondon. “Fantástico. Realmente a cultura Umutina agrega grandes valores para a nossa cidade. E por reconhecer a importância dessa cultura, que estamos dando este foco e atenção especial, para que o Estado, o Brasil e o mundo possa conhecer as riquezas culturais que Barra do Bugres tem a oferecer”, disse o prefeito Julio Florindo.

Um dos líderes da aldeia, Miro Calomezore falou em nome dos Umutinas e agradeceu ao prefeito pelo apoio e a atenção que a administração está dando aos índios. “Dessa forma todos poderão conhecer um pouco mais sobre nós; nossa origem, cultura e história. Agradecemos ao prefeito que está nos dando essa atenção especial. Em nenhuma outra administração, os Umutinas tiveram tanta atenção como estamos tendo agora. Julio Florindo é um homem visionário, inovador”, ressaltou.

Leia também:  Trabalhadores da assistência social aprovam Programa Pró-Família

SHOWS

A programação de shows, que aconteceu na Praça Ângelo Masson, rendeu um público de mais de 25 mil pessoas, circulando durante todos os dias do Festival. A cidade estava agitada e tinha pessoas de todas as partes do Estado, do Brasil e também de Portugal e Alemanha. O sucesso foi graças ao esforço e empenho de toda a equipe da Prefeitura Municipal, que com muito carinho desempenhou um ótimo trabalho, levando lazer, segurança e diversão às famílias.

Durante todos os dias do Festival, o público pode conferir ainda, os trabalhos desenvolvidos pelos artistas locais, como artesanato, pinturas, além de outras artes que encantou a todos que passaram por lá.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.